Siga Nossas Redes Sociais

Vôlei

Brasil vence Japão no segundo amistoso antes da VNL

Escrito em

Foto: Wander Roberto/Inovafoto

A seleção brasileira masculina de vôlei voltou ao ginásio do Sesi de Taguatinga Norte para mais um amistoso contra o Japão. Jogando com casa cheia, o time comandado por Renan Dal Zotto venceu a seleção japonesa por três sets a dois, com parciais de: (25×20,21×25, 23×25 , 25×22 e 15×13).

O técnico da seleção brasileira Renan Dal Zotto ressaltou as diferentes condições dos atletas vindos dos seus clubes, por isso rodou o time durante a partida. “Temos um time heterogêneo no momento com jogadores vindo de várias ligas e cada um vem em uma condição, até colocar todo mundo na mesma condição leva tempo, hoje seria pesado colocar a equipe titular para jogar o tempo todo, por isso as mudanças no decorrer da partida”, disse o técnico.

O jogo

A partida ficou ficou marcada como uma homenagem aos trinta anos da conquista da medalha de ouro olimpíca de Barcelona 92. Os jogadores da seleção brasileira jogaram com o nome dos melhistas nas costas, além de alguns atletas que estavam naquela conquista, marcaram presença no ginásio do Sesi de Taguatinga Norte.

No primeiro set, o Brasil começou abrindo 3×0 com um ponto de bloqueio e um erro da equipe japonesa. Com um ace do Bruno o Brasil ampliou a vantagem para 9×4. Japão diminuiu a diferença para 9×7 após dois erros de ataque do time brasileiro. Brasil abriu 16×11 após um erro de saque do time japonês. Com a vantagem o Brasil fechou o set por 25×20 e abriu um set a zero no jogo.

No segundo set, o Japão começou abrindo 4×1 após dois erros de ataque do Brasil. Brasil virou em 8×6 após dois pontos de bloqueio do Lucão e um contra ataque aproveitado pelo Alan. Japão empatou em 8×8 após um erro de ataque do Alan. Japão abriu 15×11 após um erro de ataque do Rodriguinho. Japão aproveitou a vantagem e fechou o set por 25×21 e empatar a partida em um set a um.

No terceiro set, o Brasil entrou com uma alteração, Isac no lugar do Lucão. O Japão começou na frente abrindo 5×1. Brasil chegou a dimi a diferença para 12×13 mas viu o Japão voltar a abrir em 16×13 após um erro de ataque do Lucarelli.

Brasil empatou em 21×21 após o Alan aproveitar o contra ataque. Após um erro de saque do Bruno, o Japão fechou o set por 25×23 e virou a partida em dois sets a um.

No quarto set, o Renan promoveu mais uma mudança entrou o Adriano no lugar do Lucarelli. O Japão começou na frente abrindo 4×2 após um ponto de bloqueio. Brasil virou em 10×8 após um ponto de bloqueio. Japão passou a frente e abriu 16×14 após um erro de ataque do Adriano. Brasil virou em 18×17 após um ponto de bloqueio. Com um erro de saque do time japonês, o Brasil fechou o set por 25×22 empatou a partida em dois sets a dois e levou o jogo para o tiebreak.

No tiebreak, o Japão começou abrindo 4×2 após um erro de levantamento do Bruno. Brasil empatou em 6×6 após um contra ataque aproveitado pelo Rodriguinho. Brasil virou em 8×7 após um ponto de bloqueio do Bruno. Brasil ampliou a vantagem em 11×9 após um bom saque do Bruno e o contra ataque aproveitado pelo Alan. Brasil aproveitou a vantagem para fechar o set por 15×13 e vencer a partida por três sets a dois.

Próximo compromisso da seleção brasileira é na quarta-feira, 8, contra a Austrália na abertura da Liga das Nações. O jogo acontece às 21h no ginásio Nilson Nelson.

Ana Paula Freire é formada em jornalismo pela Universidade Católica de Brasília e tem na bagagem a cobertura dos Jogos Olímpicos de Londres 2012.

Continue Reading
P