A Terracap divulgou, na última segunda-feira (18), a continuidade da licitação para a parceria público-privada que vai gerir o Autódromo Internacional Nelson Piquet. A empresa vencedora terá que realizar a reforma, gestão, manutenção, operação/exploração e modernização do local.

A parceria será válida por 35 anos e o contrato de concessão está com o valor estimado em R$ 73,1 milhões.

Até o momento, duas empresas seguirão concorrendo pela PPP: o Consórcio RNGD Consultoria de Negócios e a Rígido Engenharia. A Comercial Calbox Serviços, Comércio Importação e Exportação entrou com recurso, que foi deferido parcialmente e, desta maneira, está fora do páreo.

Licitação do Autódromo Nelson Piquet não conheceu vencedor, pois processo segue no TCDF – Foto: Agência Brasília

Contudo, a Terracap ainda não poderá divulgar um vencedor da licitação, pois o processo segue sob análise no Tribunal de Contas do DF. Segundo a ata da reunião, os envelopes com os valores foram entregues à Comissão de Licitação da Terracap e uma nova reunião será convocada posteriormente.

O local está fechado desde 2013, quando entrou em obras. No entanto, as atividades de reformas foram suspensas após o TCDF suspeitar de sobrepreço e encontrar falhas no projeto de licitação.