Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Inter busca empate, mas Fluminense elimina colorado nos pênaltis

Escrito em

A primeira semifinal da Primeira Liga de Futebol aconteceu no estádio Nacional Mané Garrincha. Mais de seis mil pessoas foram até o Plano Piloto e acompanharam o Inter sair na frente, tomar a virada do Fluminense, e buscar o empate. No entanto, nas cobranças de penalidade máxima, melhor para o tricolor carioca que avançou à final da competição.

Aos 24 minutos do primeiro tempo, Alex toca para Artur, que cruza rasteiro para Anderson. O meia tenta o chute e a zaga afasta. No rebote, Vitinho chuta forte e abre o placar para o Inter.

Vitinho abre o placar para o Inter. Era o primeiro dos dois gols do camisa 11 na partida - Foto: Carlos Teixeira/Agência EB

Vitinho abre o placar para o Inter. Era o primeiro dos dois gols do camisa 11 na partida – Foto: Carlos Teixeira/Agência EB

Quatro minutos depois, Osvaldo recebe lançamento de Gerson, ganha na velocidade de Jackson e chuta fraco. O que ninguém esperava era que a bola passasse no meio das pernas de Muriel e morresse no fundo das redes. Era o empate do Fluminense.

Já no segundo tempo, aos 14, após lançamento da direita, Wellington domina com o peito e toca para Marcos Júnior, que tromba com Jackson e Muriel. No bate-rebate, a bola sobra para Osvaldo, que só empurra para o gol, marcando o gol da virada para o Fluminense.

Osvaldo marca duas vezes para o tricolor carioca - Foto: Alex Farias/Agência EB

Osvaldo marca duas vezes para o tricolor carioca – Foto: Alex Farias/Agência EB

Na reta final, veio o empate e foi praticamente um replay do gol anterior. Aos 40, Eduardo Sasha ajeita para Andrigo, que chuta para o gol. O arqueiro Diego Cavalieri dá rebote e, na sobra, Vitinho finaliza, marcando o gol do Inter.

Com esse resultado, a vaga para a final da Primeira Liga foi decidida nas cobranças de penalidade máxima. Eduardo Sasha abriu o placar para o Inter. Gustavo Scarpa empatou para o Fluminense. Vitinho, autor dos dois gols do colorado, mandou no travessão. Na sequência, Cícero marcou para o tricolor.

Marquinhos empatou para o Inter. Marcos Junior colocou o Fluminense novamente na frente, mas Jackson errou a segunda cobrança para o colorado. Felipe Amorim também erra o chute para o tricolor.

Anderson tinha a responsabilidade de manter o Inter na disputa, mas cobrou e o goleiro Diego Cavalieri defendeu, confirmando a vaga do Fluminense na final da Primeira Liga.

Jogadores do Fluminense comemoram pênalti defendido por Diego Cavalieri - Foto: Carlos Teixeira/Agência EB

Jogadores do Fluminense comemoram pênalti defendido por Diego Cavalieri – Foto: Carlos Teixeira/Agência EB

Com a classificação, o Fluminense enfrenta o Atlético/PR na grande final da Primeira Liga, O rubro-negro paranaense eliminou o co-irmão carioca por 1×0. A final está marcada para o dia 05 de abril, às 21h.

PRIMEIRA LIGA – SEMIFINAIS
FLUMINENSE 2-2 INTERNACIONAL – TEMPO NORMAL
FLUMINENSE 3-2 INTERNACIONAL – PÊNALTIS

Público: 6.474 presentes (4.624 pagantes)
Renda: R$ 306.470,00
Cartões amarelos: Wellington Silva (Fluminense); Anderson (Internacional)

FLUMINENSE:
Diego Cavalieri; Jonathan, Gum, Henrique e Wellington Silva; Pierre, Cícero, Gerson (Felipe Amorim) e Gustavo Scarpa; Osvaldo (Douglas) e Magno Alves (Marcos Junior).
Técnico: Levir Culpi

INTERNACIONAL:
Muriel; Willian, Jackson, Ernando e Artur (Raphinha); Silva (Marquinhos), Fabinho, Anderson e Alex (Andrigo); Vitinho e Eduardo Sasha.
Técnico: Argel Fucks

Rener Lopes é jornalista formado pela UCB. Atua na mídia esportiva desde 2006, com passagens por seis rádios, como narrador e setorista. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo, duas Copas América. Apresenta o Mais Brasil Esportes na Mais Brasil News FM.

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

P