Após a saída de Erivaldo Alves de maneira definitiva da presidência da FFDF (clique aqui e leia mais), foi oficializada a vacância do cargo. Com isso, Daniel Vasconcelos, ex-presidente do Luziânia e vice-presidente da entidade, assume a chefia da Federação.

“A gente veio conversando muito e ele achou que a melhor saída para o futebol do DF seria dessa forma [dele renunciar]. Assim, ele decidiu por renunciar ao cargo”, disse Daniel, por telefone, à Rádio DF10, parceira da Esportes Brasília.

Com a saída de Erivaldo Alves, Daniel Vasconcelos assume definitivamente a presidência da FFDF - Foto: Reprodução/TV
Com a saída de Erivaldo Alves, Daniel Vasconcelos assume definitivamente a presidência da FFDF – Foto: Reprodução/TV

Arbitral segue adiado
A segunda reunião envolvendo os times que disputarão o Candangão 2018 estava marcada para esta sexta-feira (06). No entanto, Daniel pediu o adiamento do encontro. “O Arbitral seria hoje e eu pedi para colocar sem data, pois não havia uma definição como ficaria a situação da FFDF. Agora, vamos definir no fim de semana para a nova data para o Arbitral”, explicou.

Daniel Vasconcelos assume o cargo por três anos, até 01 de outubro de 2020. “Vamos sentar e colocar o que é melhor para o futebol do DF. Agora, temos que ter tranquilidade para tomar algumas decisões, pois sabemos da dificuldade que o esporte está e vamos unir forças para tirar o futebol do DF dessa situação que se encontra”, disse esperançoso.

O Candangão 2018 começa em 20 de janeiro. Brasiliense e Ceilândia representarão o Distrito Federal na Copa do Brasil e na Série D. Já Paracatu e Sobradinho vão jogar a Copa Verde.

Compartilhar