UniCEUB/Brasília e Basquete Cearense fizeram o terceiro amistoso preparatório para o Novo Basquete Brasil no Ginásio da AsCEB. A equipe candanga começou o jogo com Jefferson, Deryk, Alex Oliveira, Guilherme Giovannoni e Lucas Mariano. Fúlvio, com uma infecção no tendão de aquiles do pé direito, foi o desfalque da equipe. O armador deve voltar aos treinos na próxima segunda-feira.

No primeiro quarto, o Basquete Cearense fez 26×13. Já no segundo quarto, aconteceu um apagão por parte do time visitante. Até os seis minutos jogados, o time Cearense não havia pontuado. Os candangos partiram pra cima e, em um segundo quarto motivado pela defesa, o UniCEUB/Brasília venceu por 10×6, mas foi atrás no placar no intervalo: 32×23 para o Basquete Cearense.

Na volta do intervalo, Fab Melo e Jefferson comandaram a reação do time candango. Restando seis minutos para o fim do terceiro quarto, o UniCEUB/Brasília virou o jogo para 35×34, marcando 12×2 no período. A equipe cearense reagiu e encostou no placar, marcando oito pontos, com boas atuações de Duda e Luis Gruber. Os donos da casa terminaram o quarto na frente: 45×44.

No terceiro amistoso preparatório para o NBB, melhor para o UniCEUB/Brasília: 67x65 - Foto: Brito Júnior/UniCEUB
No terceiro amistoso preparatório para o NBB, melhor para o UniCEUB/Brasília: 67×65 – Foto: Brito Júnior/UniCEUB

No quarto período, o time cearense apertou a marcação e igualou o marcador em 51 pontos. No entanto, Guilherme Giovannoni voltou à ação e fez com que o UniCEUB/Brasília abrisse novamente distância no placar, colocando 54×51, mas Duda Machado tratou de empatar o jogo com uma cesta de três.

A reta final de partida não deu a impressão de que se tratava de um amistoso preparatório, pois as duas equipes foram para o contra-ataque. Restando um minuto para o fim de jogo, o time cearense vencia por 63×62. A defesa candanga resolveu entrar em quadra e voltou a dominar a partida. No fim das contas, melhor para o UniCEUB/Brasília, que venceu por 67×65.

“Foi uma ótima experiência jogando em casa. Estou pegando ritmo de jogo, mas agora é só melhorar durante os jogos”, ressaltou Fab Melo, em entrevista coletiva.

“Isso não é o primordial nesse momento. Estamos focando na parte física e é natural que os jogadores estejam travados, mas eu prefiro que o placar seja baixo e, mesmo que façamos pouco mais, saio satisfeito”, analisou o técnico do UniCEUB/Brasília, Bruno Savignani.

O UniCEUB/Brasília volta às quadras nesta sexta-feira (16), às 16h, para o quarto e último amistoso diante do Basquete Cearense. A partida acontece no Ginásio da AsCEB e terá entrada restrita para estudantes do ensino público, que apresentarem a carteira de identidade estudantil.

Compartilhar