Siga Nossas Redes Sociais

Rio 2016

Brasil perde para a Grã-Bretanha e se complica no basquete feminino

Escrito em

O Brasil recebeu a Grã-Bretanha fechando o domingo na Arena Carioca 1. O time brasileiro foi dominado dentro de quadra e acabou derrotada pelas europeias por 63×32. Agora, a equipe precisará vencer para sonhar com a classificação para as quartas de final da competição paralímpica.

A equipe da Grã-Bretanha chegou a abrir 6×0 nos três primeiros minutos de partida. No entanto, comandadas por Geisa, o time brasileiro descontou e começou a pressionar a marcação.

A diferença, na metade do primeiro quarto, chegou a quatro pontos (10×6). O que as donas da casa não esperavam era que a europeia Amy Conroy se lançasse a comandar as visitantes. No fim dos dez minutos iniciais, a vantagem estava em sete pontos a favor da Grã-Bretanha: 15×8.

As duas equipes foram para o segundo período com vontade. A brasileira Perla marcou o décimo ponto, mas logo em seguida, Sophie Carrigill tratou de marcar três pontos e ampliar a vantagem para oito. Com o desenrolar da partida, o time britânico voltou a administrar o jogo, cadenciando a bola e arriscando muitos lances dentro do garrafão.

Mas com cinco minutos para o intervalo, Robyn Love, na quadra de defesa, lança a bola para Judith Ramer dentro do garrafão. A camisa 9 britânica faz os dois pontos, aumenta a vantagem para 13 pontos (23×10) e obriga o técnico brasileiro, Martoni Sampaio, a parar o jogo. Na volta, a conversa parece surtir efeito e Perla marca mais dois pontos. Mas logo a Grã-Bretanha retoma as ações – ao fechar 54% de aproveitamento – e vai para o intervalo na frente: 31×14.

Na volta dos vestiários, o time britânico, comandado por Miles Thompson, não tomou conhecimento das brasileiras. Com apenas quatro minutos jogados no terceiro período, a vantagem foi para 27 pontos, deixando as donas da casa estacionadas nos 14 pontos. Mas depois de pedir tempo novamente, o Brasil reagiu marcando quatro pontos (45×18). O terceiro quarto seguiu favorável à Grã-Bretanha, que fechou por 53×20.

No último período, as brasileiras ainda esboçaram uma pequena reação, mas foi tarde demais. Comandadas por Amy Conroy, cestinha da partida com 15 pontos, a Grã-Bretanha venceu por 63×32 e confirmou a classificação para a próxima fase da competição.

Se ainda quiser ter alguma chance de classificação, o Brasil vai precisar vencer o Canadá nesta segunda-feira (12), às 11h45, e torcer para que a Argentina não vença a Alemanha às 9h.

Rener Lopes é jornalista formado pela UCB. Atua na mídia esportiva desde 2006, com passagens por seis rádios, como narrador e setorista. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo, duas Copas América. Apresenta o Mais Brasil Esportes na Mais Brasil News FM.

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

P