Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Gama vira para cima do Rio Claro e garante a classificação para a segunda fase da Copinha

Escrito em

Foi sofrido, foi na última rodada, foi dependente. Com direito a virada, o Gama derrotou o Rio Claro por 5×2 e se garantiu na próxima fase da copinha. Mesmo com a vitória, o Periquito ficou apreensivo até o fim do jogo entre Athlético-PR e Paulista, que também decidia o futuro da equipe na competição, e acabou 5×1 para os paranaenses. 

Com a classificação do atual candango, o DF fica bem representado na Copa SP deste ano. O Real-DF já tinha conseguido a classificação após a vitória sobre o Juventus na última terça-feira.

O jogo

Com as duas equipes precisando da vitória para permanecer na competição, o jogo começou movimentado. Jogando em seu estado, mas também fora de casa, uma vez que o grupo é sediado em Jundiaí, o Rio Claro tratou logo de abrir o placar após uma falha na saída de bola do Gama. Aos doze minutos, Danilo foi lançado em profundidade, se sobressaiu sobre os três marcadores e chutou no canto, sem chance para o goleiro Marcos.

O Periquito não sentiu o gol e foi para cima dos adversários. Só a vitória interessava, então o time verde pressionou e virou em quatro minutos. Aos 17′, Lula recebeu na área, brigou com a zaga, ficou com a bola e estufou as redes para empatar. Aos 21′, Brenno recebeu cruzamento depois de bela jogada pela direita, girou e bateu firme para colocar seu time a frente no placar. O resultado classificava o Gama, mas ainda tinha muito jogo pela frente.

No segundo tempo, as duas equipes, buscaram o jogo. O Gama buscava a manutenção do placar, enquanto o Rio Claro buscava o empate e, posteriormente a virada. E melhor para o time do interior paulista. Aos seis minutos de jogo, Pietro bateu falta com maestria e colocou a bola no ângulo.

Mas, com muita vontade de classificação, o representante do DF se impôs e, como aconteceu no primeiro tempo, marcou dois gols relâmpagos – dessa vez, em um minuto. Aos 20, Lila fez boa jogada pela direita e cruzou para Muriel chutar forte e vencer o goleiro. O Rio Claro fez a saída de bola e tentou atacar, mas parou em Marcos. O gama saiu tocando e criando, até chegar em Daniel. O camisa 7 costurou dentro da área e foi derrubado. Pênalti para o Periquito. Índio bateu no alto para marcar o quarto.

Como se já não bastassem os 4×2, o Gama ainda colocou mais um gol na conta. Daniel fez outra boa jogada pela esquerda e cruzou. Fernando, na segunda trave, se adiantou a marcação e aumentou ainda mais a vantagem, 5×2.

Gabriel Lima é jornalista e editor executivo da Esportes Brasília. Já cobriu uma Copa do Mundo da FIFA (2019).

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

P