Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Em um jogo corrido, Capital derrota o Ceilandense e soma os primeiros três pontos

Escrito em

O Capital começou o Candangão com o pé direito. Com o mando de campo, a Coruja derrotou o Ceilandense por 1×0 e soma os primeiros três pontos na competição. Apesar do fraco segundo tempo, as duas equipes mostraram pontos importantes para a sequência da competição.

O Ceilandense, que volta para a segunda divisão após o vice da segundinha, mostrou que estava muito afim de jogo. Marcando o Capital em cima, a equipe buscava roubar a bola em seu campo de ataque. Porém, os donos da casa saíam bem, tocando a bola.

Com o passar do tempo, o Capital foi tomando conta das ações do jogo e chegou ao seu gol aos onze minutos. Paulinho Mossoró saiu bem da marcação e cruzou para Vitão, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes.

Muito movimentado, o Ceilandense buscava sair e deixava espaços para o Capital, que buscou o segundo. Azul, que começou a aparecer no jogo, quase marcou depois de um chute muito forte. Willian buscou a bola, que ainda carimbou o travessão antes de sair. Hyago também quase marcou depois de um cruzamento de Paulinho Mossoró. 

O primeiro tempo acabou com as duas equipes buscando o gol. O Ceilandense seguiu sem grandes chances no primeiro tempo. 

A parte final do jogo ficou devendo bastante. As primeiras chances surgiram depois dos 35 minutos. Giuseppe bateu falta de longe e a bola passou por cima, assustando o goleiro Cleysson. 

Cadenciando o jogo, o Capital só teve oportunidade de gol nos minutos finais. Aos 46′, Vini abriu bem para Romarinho, que chutou para fora. Logo depois, Vitão cruzou para Dé, que não conseguiu colocar a bola no fundo das redes.

Paulinho Mossoró foi o craque da partida e falou sobre a vitória. “Sem dúvidas a vitória foi muito boa. A gente vem de 5 amistoso sem vencer, e a equipe entrou com a pressão de começar bem o campeonato. A gente soube se comportar bem durante a partida e é bom a gente começar vencendo”, disse.

CAMPEONATO CANDANGO – 1ª RODADA
CAPITAL 1 × 0 CEILANDENSE
26/01/2020 – ESTÁDIO BEZERRÃO – GAMA-DF

Arbitragem: Luiz Paulo Aniceto
Assistente 1: José Reinaldo
Assistente 2: Josieliton Silva
Quarto Árbitro: Maricleber Gois

Público: 252 pagantes
Renda: R$ 1260

Cartões amarelos: Hyago e Fernandinho (Capital) e Estevão, Mateus, Vagner e Gioseppe)
Cartões vermelhos: Não teve

Gols: Vitor, aos 11 minutos do primeiro tempo.

CAPITAL
Cleysson; Weverton, Hyago, Marquinhos e Romarinho; Lucas Garcia, Fernandinho (Vini), Willian (Dé) e Marquinhos Mossoró (Matheus Rogério); Azul e Vitão
Técnico: Victor Santana

CEILANDENSE
Willian; Estevão, Davi, Mateus e Lucas; Vagner, Giuseppe, Luigi (Thiago Levi) e Gabriel (Albertino); Daniel Marques e Talison (Benito)
Técnico: Marquinhos Carioca

Gabriel Lima é jornalista e editor executivo da Esportes Brasília. Já cobriu uma Copa do Mundo da FIFA (2019).

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

P