Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Brasiliense vence Porto Velho e decisão da última vaga fica para última rodada

Escrito em

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Na tarde deste sábado, no estádio da Boca do Jacaré, o Brasiliense recebeu o Porto Velho/RO em partida válida pela 13ª rodada da série D. De virada, o time candango venceu por 2×1.

Com este resultado, o Brasiliense chegou aos 20 pontos ganhos e ocupa a quarta posição do grupo A5. Agora, vai disputar a vaga na última rodada com o Goianésia, que também tem 20 pontos ganhos. O Porto Velho ficou nos 13 pontos ganhos e sem chances de classificação.

O JOGO
O Brasiliense partiu logo para o ataque com Tobinha, mas acabou finalizando sobre o gol do Porto Velho. Os donos da casa mandavam no jogo, tanto que a primeira chance de ataque do Porto Velho foi somente aos 10 minutos.

De tanto tentar, a equipe rondoniense abriu o marcador. Aos 13 minutos, Everaldo cobrou falta próximo à meia-lua da grande área e a bola foi no canto direito baixo de Edmar Sucuri, abrindo o placar para o Porto Velho.

O Brasiliense tentava o empate, mas nos contra-ataques, o Porto Velho levava perigo. Aos 27 minutos Keko apareceu livre e Edmar Sucuri, do Brasiliense, fez grande defesa. Aos 41 minutos, Zotti bateu falta para o Brasiliense, mas a bola foi para a linha de fundo.

Aos 42 minutos, em mais um contra-ataque dos visitantes, o zagueiro Lídio tocou a mão na bola na meia-lua da grande área. Como era o último jogador, o árbitro paulista Thiago Mattos deveria ter expulsado o atleta candango, mas ficou apenas no amarelo. Keko cobrou a falta e a bola bateu na barreira.

Na volta dos vestiários, o técnico Luan Carlos fez a substituição que mudaria a cara do jogo, sacando Alan Mineiro e colocando Ferrugem. Deu certo. Logo aos 5 minutos, Ferrugem experimentou de fora da área e fez um golaço, empatando o jogo no Serejão.

Aos 13 minutos, em cobrança de falta para o Brasiliense, Peu levanta na grande área, a defesa do Porto Velho não domina e, na sobra, Aldo divide com o goleiro Wellington e empurra para as redes, virando o jogo para o Brasiliense.

Neste lance, os jogadores do Porto Velho reclamaram que o zagueiro Badhuga teria dado um toque com a mão. Caso tivesse o VAR, o gol poderia ser anulado. No entanto, o árbitro de vídeo só será utilizado a partir das quartas de final da série D.

Aos 27 minutos, Zotti cobrou falta e Aldo cabeceou e a zaga mandou para escanteio. Já aos 40 minutos, Tobinha, do Brasiliense, entrou na grande área e foi derrubado. O Brasiliense pediu pênalti, mas a arbitragem não marcou.

Na reta final, até o goleiro Wellington, do Porto Velho, foi para a grande área em uma cobrança de escanteio para o time rondoniense, mas a bola foi pela linha de fundo. O jogo terminou mesmo em 2×1 para o Brasiliense.

Na próxima e última rodada, o Brasiliense irá até Goianésia, no interior goiano, para disputar a última vaga para a segunda fase. Os candangos jogam pelo empate, ao azulão goiano, apenas a vitória interessa. Já o Porto Velho cumprirá tabela diante do classificado União de Rondonópolis/MT. Os jogos acontecerão simultaneamente no próximo sábado (04.09), às 16 horas.

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE D – 1ª FASE – 13ª RODADA
BRASILIENSE 2-1 PORTO VELHO/RO
28.08.21 – ESTÁDIO SEREJÃO – TAGUATINGA/DF

Arbitragem: Thiago Lourenço de Mattos/SP.
Assistentes: Lucas Guerra e Renato Gomes, do DF.
Quarto árbitro: Maguielson Lima/DF

Cartões amarelos:
Lídio (Brasiliense)
Índio (Porto Velho)

BRASILIENSE
Edmar Sucuri; Arlen (Didira), Badhuga, Lídio e Peu; Aldo, Zotti (Radamés), Alan Mineiro (Ferrugem); Luquinhas (Maicon Assis), Vitor Rangel (Michel Platini) e Tobinha
Técnico: Luan Carlos

PORTO VELHO/RO
Wellington; Japa (Guarate), Sandro, Sorbara e Bala; Everaldo, Bacas (Yuri), Daniel, Índio; Allan Junior (Adriel) e Keko (Pepeu)
Técnico: Wesley Edson

Natural de Pelotas/RS, Sérgio Porto é jornalista com passagem pelas rádios Planalto AM, Clube AM, Nossa FM, Jovem Pan Brasil e DF10, parceira da Esportes Brasília. Também atua como repórter freelancer em diversas emissoras de rádio do país.

Continue Reading
P