Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Brasiliense sai na frente, mas cede o empate ao Goianésia na largada da Série D

Escrito em

Foto: Júlio César Silva/Agência EB

Estreando na fase de grupos do Brasileirão, em um estádio inédito como mandante, o Brasiliense recebeu o Goianésia neste sábado (05). Jogando no estádio Ciro Machado, na Vila Planalto, o Jacaré saiu na frente, mas cedeu o empate ao time goiano.

Aos 36 minutos do primeiro tempo, após a defesa do Goianésia perder a bola no meio de campo, Zé Love recupera a posse pela esquerda, invade a grande área e bate por baixo das pernas do goleiro Artur, abrindo o placarpara o Jacaré no estádio Ciro Machado.

Já no segundo tempo, aos 31 minutos, o Goianésia empatou o confronto. Em cobrança ensaiada de falta, Dudu rola a bola para Renato, que vinha de trás da cobrança, encher o pé. A zaga do Brasiliense abriu e Edmar Sucuri não conseguiu defender a cobrança, anotando o gol do time goiano e dando números finais à partida.

Na próxima rodada, o Brasiliense vai até Porto Velho/RO para enfrentar o time rondoniense, no estádio Aluizio Ferreira. Já o Goianésia recebe o União de Rondonópolis no estádio Waldeir José de Oliveira.

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE D – FASE DE GRUPOS – 1ª RODADA
BRASILIENSE 1-1 GOIANÉSIA
05.06.21 – ESTÁDIO CIRO MACHADO – VILA PLANALTO/DF

CARTÕES AMARELOS:
Badhuga, Victor Rangel, Zé Love, Milton Junior (Brasiliense)
Artur, Zé Victor (Goianésia)

BRASILIENSE
Edmar Sucuri; Aldo, Badhuga, Preto Costa (Gustavo Henrique) e Mário Henrique; Milton Júnior, Zotti, Maicon Assis (Didira) e Jorge Henrique (Carlos Eduardo); Victor Rangel (Peninha) e Zé Love (Tobinha).
Técnico: Vilson Tadei

GOIANÉSIA
Artur; Wanderson Lima (Tiburcio), Aleff (Luizão), Anderson Sobral e Raphael Soares (Flávio); Dudu, Renato e Marcos Paulo; Wellington (Da Silva), Ygor e Kallyl (Zé Victor).
Técnico: Ariel Mamede

Rener Lopes é jornalista formado pela Universidade Católica de Brasília (UCB); Atua na mídia esportiva desde 2006. Já teve passagens pelas rádios Paranoá FM, Comunidade FM do Gama, Transamérica FM Brasília, Bandeirantes AM Brasília e Ativa FM Brasília. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo (Brasil 2014 e 2019) e uma Copa América (Brasil 2019).

Continue Reading