Siga Nossas Redes Sociais

Basquete

Kenny Dawkins e Pierotti comandam vitória do Cerrado sobre o Corinthians pelo NBB

Escrito em

Foto: Gabriel Costa/Cerrado Basquete

Cerrado Basquete e Corinthians se enfrentaram na manhã deste domingo (06), no ginásio da AsCEB. Este foi o último jogo sem a presença do torcedor nos ginásios candangos, uma vez que o decreto que libera a volta do público às praças esportivos começa a ter validade apenas na próxima segunda-feira (07).

Dentro de quadra, Cerrado e Corinthians protagonizaram um jogo de alternância constante no placar, sem que uma equipe abrisse uma larga vantagem. No fim, melhor para o time candango, que venceu por 86×80, em grande dia do americano Kenny Dawkins e de Stefano Pierotti.

O Cerrado começou atrás no placar, com uma marcação forte do Corinthians. No entanto, restando quatro minutos para o fim do primeiro quarto, o time candango passou à frente. O trabalho ficou por conta de Kenny Dawkins que anotou oito pontos no período.

Com uma cravada de Carbonari, restando 55 segundos para o fim do período, o Corinthians conseguiu empatar o jogo. O primeiro quarto terminou empatado em 19 pontos.

Já no segundo quarto, o Corinthians engatou uma boa vantagem. A equipe paulista abriu sete pontos em dois minutos e meio e obrigou o técnico do Cerrado, Bruno Lopes, a parar o jogo pela primeira vez para tentar corrigir o time. E deu certo! Em pouco mais de três minutos, o verdão candango reagiu e empatou o confronto em 33 pontos.

Os dois times continuaram brigando ponto a ponto. Restando pouco mais de um minuto para o intervalo, Stefano Pierotti aproveitou uma falha da defesa corintiana e anotou mais dois pontos, colocando 40×38 e obrigando o técnico Leo Figueiró a parar o jogo. As duas equipes foram para os vestiários com o Cerrado vencendo por 42×38.

A conversa no intervalo surtiu efeito e o time paulista conseguiu retomar a dianteira do placar. Sem pegar nenhum rebote nos três minutos iniciais do terceiro período, o Cerrado viu Carbonari, do Corinthians, anotar quatro pontos e virar o jogo para 49×45, obrigando Bruno Lopes a pedir tempo novamente.

Com o time ajeitado, os rebotes voltaram a aparecer e, em menos de um minuto, o Cerrado empatou o jogo (49×49). Depois desse momento, as equipes continuaram na alternância, jogada a jogada. No último lance do período, após uma saída rápida de Victor, Daniel Von Haydin carrega a bola pelo centro da quadra e acha Stefano Pierotti, livre, para arremessar de três e converter, fechando o terceiro quarto favorável ao Cerrado: 64×60.

O último período foi emocionante. As duas equipes brigaram o tempo todo pela liderança e o Cerrado Basquete chegou a abrir cinco pontos de vantagem nos minutos iniciais do quarto. O Corinthians conseguiu reduzir a um ponto, mas com metade do período, Daniel Von Haydin acertou uma cesta de três e colocou a vantagem em seis pontos (75×69), fazendo com que Léo Figueiró pedisse tempo novamente.

Não adiantou muito. Na reta final de jogo, o Cerrado ampliou a diferença para oito pontos, colocando 79×71 no marcador. Mas o Corinthians acordou e encostou no placar. Restando oito segundo para o fim do jogo, os candangos lideravam por três (83×80). Na saída de bola, Ruan deu um toco, a bola foi roubada por Daniel Von Haydin e, restando 0,8 segundos, arremessa de longe e converte a cesta de três pontos, confirmando a vitória por 86×80.

O cestinha da partida foram Kenny Dawkins, do Cerrado Basquete, e Malcolm Muller, do Corinthians, com 19 pontos cada. Destaques para Stefano Pierotti, do Cerrado, com 15 pontos e oito rebotes, e Siewert, do Corinthians, com 12 pontos e 13 rebotes, anotando um duplo-duplo.

Rener Lopes é jornalista formado pela UCB. Atua na mídia esportiva desde 2006, com passagens por seis rádios, como narrador e setorista. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo, duas Copas América. Apresenta o Mais Brasil Esportes na Mais Brasil News FM.

Continue Reading
P