Siga Nossas Redes Sociais

Outros Esportes

GDF lança programa para destinar materiais esportivos a ONGs e administrações regionais

Escrito em

Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Fonte: Agência Brasília

O Governo do Distrito Federal (GDF) vai investir R$ 5 milhões do Fundo de Apoio ao Esporte (FAE) para democratizar o acesso à prática esportiva na capital. Nesta quarta-feira (23), o governador Ibaneis Rocha lançou o programa Esporte nas Ruas, que será gerenciado pela Secretaria de Esporte e Lazer (SEL). A proposta é oferecer às administrações regionais e organizações sociais sem fins lucrativos acesso a materiais e equipamentos esportivos gratuitamente. O anuncio foi feito em cerimônia, no Salão Nobre, do Palácio do Buriti.

Com os recursos obtidos junto ao Fundo de Apoio ao Esporte (FAE) serão adquiridas bolas, redes, raquetes, coletes e cones para treinos, colchonetes, tatames, quimonos, medalhas, troféus e outros materiais que permitam a adequada prática esportiva. Uma forma de incentivar crianças e adolescentes e também permitir a continuidade de programas que muitas vezes dependem de ajuda financeira externa para sobreviver.

“Os recursos vão para todas as cidades do DF. Nós temos 40 federações que vão receber equipamentos e treinamentos para a utilização desses materiais de esporte e assim conseguimos chegar lá na ponta”, destacou Ibaneis Rocha. “Esse trabalho vai repercutir muito e tenho certeza que o resultado dele vai chegar com crianças alegres e longe das drogas”, acrescentou o chefe do Executivo.

A Secretaria de Esporte já viabilizou R$ 5 milhões junto ao Fundo para aplicar no programa. Deste montante, R$ 1 milhão foi credenciado para ser usado em 2020 e mais R$ 4 milhões para 2021. Parte dos recursos são oriundos vem das loterias, além de contribuições de instituições financeiras, convênios com organismos distritais, nacionais e internacionais, doações, saldos de exercícios anteriores e aluguéis.

“A ideia é que todos os programas sociais que atendam de forma gratuita crianças e idosos possam ter aquilo que nunca tiveram do estado. Muitas vezes os programas sociais se extinguiam porque um professor não tinha condições de comprar uma bola, um tatame e tudo isso vai ser ofertado pela Secretaria de Esporte. A gente espera que com essa ajuda a gente consiga atender toda a demanda necessária de material esportivo no DF”, explica a secretária de Esporte e Lazer, Celina Leão.

Seminário de capacitação

Também nesta quarta-feira (23), a Secretaria de Esporte e Lazer promove, em ambiente virtual, o 1º Seminário de Capacitação das Organizações da Sociedade Civil (OCSs), para a captação de recursos e materiais. O treinamento será entre 14h e 17h e vai capacitar entidades interessadas em participar de chamamentos públicos. A pasta vai orientar sobre a elaboração de projetos, contratação de serviços e obtenção de equipamentos esportivos. Interessados podem se inscrever no site da Secretaria de Esporte até 12h.

“Dentro da nossa política pública de fomentar as práticas esportivas em toda a capital, nós identificamos dificuldades por parte das organizações da sociedade civil em cumprirem os requisitos legais para participarem de chamamentos públicos e terem acesso a incentivos do Conselho de Administração do Fundo de Apoio ao Esporte (Confae). Com o nosso apoio nessa parte de capacitação, elas vão conseguir desenvolver projetos sociais e esportivos completos para garantirem o recurso”, explica Celina Leão, que além de titular da Secretaria de Esporte e Lazer, também preside o Confae.

Continue Reading