Uma notícia pegou de surpresa os fãs do Brasília Vôlei. Na manhã desta sexta-feira (04), a diretoria do clube informou que o técnico Hairton Cabral deixou a equipe candanga.

De acordo com o site Globoesporte.com, o motivo da saída é o diagnóstico de um câncer maligno na próstata no treinador. Para que possa tratar integralmente do problema, Hairton procurou a direção do clube e pediu afastamento.

Diagnosticado com um câncer na próstata, Hairton Cabral deixa o Brasília Vôlei para se dedicar ao tratamento – Foto: Patricy Albuquerque/Agência EB

Com a saída de Hairton, o auxiliar técnico Inácio Junior assume a equipe e comanda as meninas do Brasília Vôlei já a partir desta terça-feira (08), quando o Brasília Vôlei recebe o Hinode Barueri às 20h, no Ginásio do SESI Taguatinga.

Esta será a segunda vez que Inácio comandará o Brasília Vôlei. Quando Sérgio Negrão – hoje técnico do Pinheiros – foi acompanhar o nascimento da filha, coube a Inácio treinar a equipe candanga.

O Brasília Vôlei está na nona posição da Superliga Feminina. Em nove jogos, foram três vitórias e seis derrotas.

Compartilhar