Siga Nossas Redes Sociais

Vôlei

Brasília Vôlei vence na estreia da Superliga Feminina 2021/2022

Escrito em

Após terminar o sul-americano de clubes na terceira colocação, o Brasília Vôlei reencontrou sua torcida mais uma vez. Agora a equipe comandada pelo treinador Rogério Portela fez sua estreia na temporada 2021/22 da Superliga feminina de vôlei, na partida de abertura da competição. O adversário na primeira rodada foi a equipe do Maringá e o time da capital venceu por três sets a dois, com parciais de: (21×25,25×17, 22×25, 25×21 e 15×6) em 2h06min de partida. A central Edna do Brasília foi eleita a melhor do jogo e levou o troféu Viva Vôlei.

O JOGO 

No primeiro set, o Maringá começou abrindo 3×1 após aproveitar o contra ataque. Brasília empatou logo em seguida em 3/3 após a Natália aproveitar o contra ataque. Maringá voltou a abrir em 7×4 após aproveitar o rally.

Brasília empatou em 12/12 após a Ariane aproveitar o contra ataque. Maringá voltou a abrir a diferença mínima de dois pontos e manteve até o 21×21 quando Brasília aproveitou um ataque pra fora do time paranaense para empatar o set. Maringá voltou a abrir vantagem e chegou no set point após um ponto de bloqueio e aproveitou para fechar o set por 25×21 em 29min para abrir um set a zero na partida.

No segundo set, as duas equipes ficaram trocando pontos até o 10×10 quando Brasília abriu 12×10 após um ponto de bloqueio da Edna. Maringá empatou em 14×14 após marcar um ponto de saque.

Após cinco erros de ataque consecutivos do Maringá, Brasília abriu 21×16. Brasília aproveitou de um momento de instabilidade do time paranaense que não estava rodando bola, para abrir vantagem e encaminhar a vitória no set por 25×17 em 25min e empatar a partida em um a um.

No terceiro set, Brasília começou forte abrindo 5×1. Maringá conseguiu buscar e empatou em 7×7 após um ponto de bloqueio, e abriu vantagem em 11×9 . Brasília igualou em 11×11 após um ponto de saque da Edna.

Maringá voltou a abrir vantagem em 18×14, e o Brasília buscou mais uma vez e virou a parcial em 22×21 após dois pontos consecutivos de bloqueio. Maringá emplacou três pontos de bloqueio consecutivos para vencer o set por 25×22 em 29min e virar a partida em dois sets a um.

No quarto set, Maringá começou abrindo 5×3. Brasília empatou em 6×6 após a Neneca aproveitar o contra ataque. Brasília depois de empatar, abriu vantagem em 8×6.

Brasília manteve a vantagem até a reta final, quando Maringá voltou a empatar em 19×19. Brasília contou com um erro da equipe paranaense para abrir 21×19. A frente no placar, Brasília aproveitou para fechar o set por 25×21 em 29min e empatar a partida em dois sets a dois e levar o jogo para o Tiebreak.

No Tiebreak, Brasília começou abrindo 4×1 após dois pontos de saque da Ariane. Time da capital foi ampliando a vantagem em 9×3 após um ponto de bloqueio e um ponto de ataque da Neneca.

Com uma vantagem boa adquirida na metade do set, Brasília encaminhou a vitória no set por 15×6 em 14min para vencer a partida por três sets a dois.

Na próxima rodada, o Brasília Vôlei visita o Fluminense no Rio de Janeiro. A partida acontece na sexta-feira, dia quatro de novembro, às 19h.

Ana Paula Freire é formada em jornalismo pela Universidade Católica de Brasília e tem na bagagem a cobertura dos Jogos Olímpicos de Londres 2012.

Continue Reading
P