Na tarde deste sábado (28), o Brasília Vôlei voltou ao ginásio do SESI de Taguatinga norte após ganhar do SESI-SP na semana passada. Desta vez o adversário foi à equipe de Bauru em partida válida pela terceira rodada do primeiro turno. A equipe do Distrito Federal surpreendeu a equipe do interior paulista ao vencer a partida por três sets a dois, com parciais de (25×22, 26×24, 18×25, 10×25 e 17×15) em 2h07min de jogo. A levantadora Vivian Lima foi eleita a melhor da partida e levou o troféu Viva Vôlei.

No primeiro set, as duas equipes começaram trocando pontos e errando muito pouco e com ambas as equipes eficientes na virada de bola. A igualdade continuou até o 11×11 quando o Brasília Vôlei encaixou uma boa sequencia de bloqueios e abriu 14×11 no placar obrigando o técnico da equipe de Bauru, Fernando Bonato a pedir tempo. Depois do tempo técnico a equipe do interior paulista conseguiu se recuperar e empatar a parcial em 14×14. O set permaneceu igual até o 19×19 quando o Brasília Vôlei engatou uma boa sequencia pra fechar a parcial por 25×22 em 27min .

No segundo set, a equipe de Brasília imprimiu um bom ritmo logo no inicio e abriu 3×0 no começo da parcial. A equipe paulista recuperou logo em seguida para empatar a partida e abrir vantagem em 5×8. O time de Bauru aumentou a vantagem para 12×17, e a equipe da capital mostrou poder de reação e virou a parcial para 21×20. O set permaneceu igual ate o 24×24. O Brasília Vôlei fechou o set por 26×24 em 30min após um ponto de bloqueio da central Fê Campos e abrir dois sets a zero.

No terceiro set, a equipe de Bauru dominou do começo ao final da parcial. O time do interior paulista contou com o relaxamento da equipe do Brasília para abrir uma larga vantagem no placar em 15×8, obrigando o técnico Sérgio Negrão a pedir tempo técnico. A parada não fez efeito e o time de Brasília, diferente do set anterior, não teve poder de reação, e viu o Bauru fechar o set por 17×25 em 26min e se manter vivo no jogo levando a decisão para o quarto set.

No quarto set, a equipe de Bauru começou abrindo 1×6. O time do Brasília esboçou uma reação e diminuiu a vantagem para 4×6. A equipe de Bauru assim como foi no terceiro set, se impôs diante da equipe de Brasília e abriu uma vantagem de dez pontos em 8×18. Diante de um revés tão grande, o time da casa não teve força para sequer incomodar a equipe do interior paulista. Não teve dificuldades para fechar o set por 10×25 em 22min e levar a partida para o tiebreak.

No tie-break, a equipe de Brasília acordou da sonolência dos dois sets anteriores e abriu 4×1 no inicio do set decisivo. O time de Bauru empatou em 4×4, mas a equipe de Brasília não deu chance e voltou a abrir em 6×4. Depois de um contra ataque espetacular da Paula Pequeno o Bauru voltou a empatar em 6×6. A partida continuou equilibrada até o final em 14×14. O jogo terminou com um belo ponto de bloqueio do Brasília Vôlei para fechar o tiebreak por 17×15 em 24min e vencer a partida por três sets a dois.

O Brasília Vôlei volta a quadra na próxima terça-feira (31), às 20h, contra o Praia Clube Uberlândia, no ginásio do SESI de Taguatinga Norte, com transmissão da Esportes Brasília em parceria com a Rádio Redentor.

Compartilhar