O público que esteve no Ginásio do SESI Taguatinga na noite desta terça-feira (14) acompanhou o confronto entre Brasília Vôlei e SESC Rio de Janeiro, válido por mais uma rodada da Superliga Feminina de vôlei.

Comandadas por Fabi e Drussyla, as cariocas não tomaram conhecimento das donas da casa e venceram por 3 sets a 0, parciais de 17×25, 18×25 e 18×25, em 1h09 de partida.

A maior pontuadora do Brasília Vôlei na partida foi Isabela Paquiardi, com 54 pontos. No entanto, uma das preocupações do técnico Sérgio Negrão foi a quantidade de erros da equipe candanga. O Brasília Vôlei cedeu 22 pontos, quase um set inteiro.

“Talvez a gente já esperasse esse resultado, mas esperava jogar melhor. A gente tem que melhorar esses erros, ser mais aplicados técnica e taticamente”, disse o técnico em entrevista à Esportes Brasília.

O adversário da próxima partida do Brasília Vôlei será o Barueri, em São Paulo, time treinado por José Roberto Guimarães, considerado como ‘multicampeão’ brasileiro. “Vai ser mais difícil [que hoje]. Para mim, o Barueri entra na série dos times que são candidatíssimos ao título”, afirma Negrão.

Com a derrota, o Brasília Vôlei perdeu a quinta partida consecutiva, por 3×0, e segue na nona posição, com quatro pontos.

Compartilhar