Siga Nossas Redes Sociais

Rio 2016

Brasil passa mais um dia sem medalhas na natação

Escrito em

E mais uma vez o Brasil ficou sem medalha na natação. Bruno Fratus nadou a final dos 50m Livre masculino, mas não foi bem e terminou apenas na sexta posição. Outro resultado negativo que surpreendeu foi a prata do fenômeno Michael Phelps.

Bruno Fratus era grande candidato a medalha na natação, mas acabou não nadando como desejava. Com 21.79s, o brasileiro ficou apenas na sexta colocação dos 50m Livre masculino, enquanto o americano Anthony Ervin foi ouro com 21.40s. Já na prova feminina, a brasileira Etiene Medeiros se classificou para a final, com o sétimo melhor tempo: 24.45s.

Outra nadadora que vem se destacando nesses Jogos Olímpicos é a americana Katie Ledecky. Depois de levar 4 medalhas, três de ouro e uma de prata, a nadadora de apenas 19 anos quebrou o recorde mundial dos 800m Livre feminino e conquistou mais um ouro, com 8:04.79.

BATIDOS
A lenda do esporte Michael Phelps não conseguiu fazer o resultado perfeito nessas olímpiadas. Com 31 anos e quatro ouros vencidos na competição, o americano sentiu o cansaço e ficou com a prata nos 100m Borboleta masculino, com 51.14s. O ouro foi conquistado por Joseph Schooling, que quebrou o recorde olímpico com a marca de 50.39s.

A “Dama de Ferro”, Katinka Hosszu, também foi “derrotada” pela primeira vez no Rio 2016. A húngara, que já havia conquistado três medalhas de ouro na competição, ficou com a prata nos 200m Costas feminino, com o tempo de 2:06.05. O ouro foi conquistado pela americana Medeline Dirado, que fez o tempo de 2:05.99.

MEDALHAS
200m Costas feminino – Medeline Dirado (EUA) 2:05.99
100m Borboleta masculino – Joseph Schooling (Cingapura) 50.39s
800m Livre feminino – Katie Ledecky (EUA) 8:04.79 Recorde Mundial
50 Livre masculino – Anthony Ervin (EUA) 21.40s

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

P