Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Representantes de times se reúnem com governador para tratar do próximo Candangão

Escrito em

Fonte: Agência Brasília

O governador Ibaneis Rocha recebeu diretores e representantes de clubes do Distrito Federal, no Palácio do Buriti, nesta quarta-feira (13), para conversarem sobre o Campeonato Brasiliense de Futebol de 2022, popularmente conhecido como Candangão. O encontro serviu para alinhar questões como a profissionalização da modalidade local, possibilidades de patrocínio e uma possível parceria entre os clubes brasilienses e governo.

Ibaneis Rocha declarou que o Governo do Distrito Federal (GDF) está ao lado do “futebol brasiliense” e vai ajudar no que for possível. Para isto,  colocou a Secretaria de Esporte e o Banco de Brasília (BRB) à disposição das equipes para construir uma boa edição para o próximo ano.

“Espero que possamos avançar para que o Candangão tenha uma boa edição e, assim, resgatarmos o futebol do DF. Contem com o nosso apoio dentro do que for possível”, declarou o governador Ibaneis Rocha.

Presidente do BRB, Paulo Henrique Costa reforçou que o banco já é o principal apoiador do esporte no DF e sinalizou com o mesmo apoio em 2022. “Vamos sentar com a federação para desenhar o campeonato do ano que vem. Esperamos estimular o vínculo dos cidadãos com os times daqui, apoiar a profissionalização e avanço dos times locais e reforçar a imagem do futebol brasiliense”, afirma.

Já a secretária de Esporte, Giselle Ferreira, disse que, a partir das ações discutidas, o governo também trabalha pelo profissionalismo do esporte. “Queremos trazer o incentivo à prática do esporte aqui no DF, desde a base até o profissional”.

O encontro contou com a presença do vice-governador Paco Britto; dos secretários Giselle Ferreira (Esporte), André Clemente (Economia) e Vanessa Mendonça (Turismo); da deputada federal Celina Leão; do presidente da Câmara Legislativa, Rafael Prudente; do presidente do Banco de Brasília, Paulo Henrique Costa, e de representantes dos times do Gama, Brasiliense, Ceilândia, Capital, Taguatinga, Luziânia e Santa Maria.

Nota da redação: A Esportes Brasília lamenta, profundamente, a não convocação da imprensa esportiva de Brasília para uma reunião de tamanha magnitude. Nós, que cobrimos o futebol há tanto tempo, esperávamos ansiosos por um encontro como esse. Mas, mais uma vez, não fomos lembrados por quem comanda o futebol brasiliense e a parte de gerência governamental. Nunca é tarde lembrar que não há futebol sem imprensa e imprensa sem futebol.

Continue Reading