O Luziânia começa a revelar as caras que vão disputar o Candangão de 2018. A equipe bicampeã brasiliense terá Jairo Araújo, ex-jogador de Gama e Brasiliense, como treinador para a próxima temporada.

Segundo Jairo, o time perdeu cerca de 90% dos atletas para 2018, já que o azulino disputou a série D do Campeonato Brasileiro em uma parceria com o Real FC.

“Estão conosco o zagueiro Perivaldo, que tem uma bonita história no clube – cerca de 10 anos com a camisa do azulino -, o Deivid, que já esteve aqui e foi campeão, e o volante Castro, que é um bom marcador. Sobre o restante dos atletas, ainda não podemos divulgar muito”, ressaltou.

Com relação a jogadores mais conhecidos no futebol brasileiro, Jairo afirma que as condições financeiras do time não permite que o Luziânia faça contratações. “Entretanto, os atletas que estamos trazendo são jogadores que, com certeza, vão nos ajudar muito neste Candangão”, disse o treinador do Luziânia.

Sobre qual o objetivo do Luziânia para 2018, Jairo afirmou que a briga é pela vaga na Série D de 2019: “Queremos representar bem o nome da cidade de Luziânia, como aconteceu em anos anteriores. Nosso objetivo é de fazermos uma ótima competição candanga, buscando uma vaga na série D do brasileiro. Isto, com certeza, vai levar o nome da cidade a ser conhecida no Brasil inteiro”, conta.

A comissão técnica do Luziânia é composta pelo auxiliar técnico Rodriguinho, ex-jogador de Gama, Brasiliense, Ceilândia e Luziânia. O preparador físico é Roberto Nascimento e o preparador de goleiros será Jô. A apresentação do elenco azulino acontecerá dia 11 de dezembro.

A estreia no Candangão será em 20 de janeiro, frente ao Santa Maria, no estádio Bezerrão, na cidade do Gama.

Compartilhar