Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

GDF autoriza times do futebol candango a retomar treinamentos

Escrito em

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, autorizou a volta dos treinos aos times profissionais da capital federal. Por meio de decreto assinado e divulgado em edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal na noite desta sexta-feira (26), foram autorizadas as atividades, desde que com algumas condições.

Todos os atletas deverão ser submetidos, semanalmente, a exames prévios de Covid-19. Durante as atividades, os jogadores deverão respeitar o distanciamento de, no mínimo, dois metros. Além disso, o uso de máscaras é obrigatório, exceto para os atletas, e os locais deverão ter álcool em gel à disposição.

Os profissionais que estiverem no grupo de risco não pode participar das atividades. Os médicos e profissionais da saúde deverão utilizar equipamentos de proteção individual e todas as pessoas que entrarem nos Centros de Treinamento deverão ter a temperatura aferida.

Quem for diagnosticado com gripe ou suspeita do Coronavírus deverá ficar isolado por 14 dias. As pessoas que tiveram contato com o infectado deverão realizar o teste de detecção da Covid-19 e serão monitoradas. Os clubes também serão responsáveis por manter um controle dos casos suspeitos, bem como dos testes realizados periodicamente.

Contudo, ainda não estão autorizadas as partidas oficiais na capital federal. A Federação de Futebol do Distrito Federal aguarda um parecer oficial para remarcar a partida entre Gama e Real Brasília, bem como para definir as datas das quartas de final do Candangão 2020.

Vale lembrar que Brasiliense, Capital e Real Brasília chegaram a realizar exames nos atletas visando a volta às atividades. No jacaré, um atleta – cujo nome não foi revelado – foi diagnosticado com a Covid-19, mas já está curado. No Capital, nenhum membro da equipe teve a doença. O Real Brasília, que cogitou retomar os treinos mesmo sem o decreto, não divulgou os resultados dos exames.

Rener Lopes é jornalista formado pela Universidade Católica de Brasília (UCB); Atua na mídia esportiva desde 2006. Já teve passagens pelas rádios Paranoá FM, Comunidade FM do Gama, Transamérica FM Brasília, Bandeirantes AM Brasília e Ativa FM Brasília. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo (Brasil 2014 e 2019) e uma Copa América (Brasil 2019).

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *