Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Em entrevista exclusiva, técnico analisa o Gama na Copa Verde e projeta Candangão

Escrito em

Formosa x Gama

Após a vitória do Remo por 1×0, no estádio Mangueirão, em Belém/PA, o Gama encerrou a participação na disputa da Copa Verde, fechando – de vez – a temporada 2020 do futebol. Agora, as atenções do alviverde voltam-se para a estreia do Candangão 2021, que acontece diante do Capital, em 21 de fevereiro.

Na saída do campo de jogo, em entrevista exclusiva à Esportes Brasília, o técnico Victor Santana analisou a partida. “Tomamos um gol de bola parada, onde, o que eu mais alertei, era essa questão. Voltamos melhor no segundo tempo, tivemos muitas chances e tive que abrir o time, mas infelizmente a vitória não veio”, disse o treinador.

“Faltou acertar o segundo passe, pois a bola rondava a área do Remo e não conseguimos. Agora é trabalhar, o ano está só começando pra gente. É o começo de um trabalho e tenho certeza que, passo a passo, vamos longe com esse time”, completou o treinador.

Victor Santana também contou da expectativa para o Candangão 2021, falando dos pontos que precisam mudar para a temporada que inicia em breve. “As equipes estão se reforçando, e nós vamos ter que trabalhar muito para conseguir os objetivos. Passo a passo, com tranquilidade, vamos ajustando. Foi bom esses dois jogos terem acontecido, pois serviu para analisar. Vamos ajustar os erros e melhorar cada vez mais. Agora, é evoluir para começar bem no Candangão”, ressaltou.

Técnico do Gama atendeu a reportagem da Esportes Brasília ao fim do jogo contra o Remo – Foto: Reprodução/YouTube

Questionado sobre que lição tira da participação do Gama na última competição da temporada 2020, Victor sai esperançoso e projeta uma boa chegada do alviverde em 2021. “Tiro mais esse jogo do Remo como lição. Temos que acreditar cada vez mais, pois dá para fazer bons jogos. E sempre acreditar que, trabalhando certinho, vamos longe com esse time. É questão de paciência, trabalhar bastante e pode ter certeza que vamos longe”, finalizou Santana.

Rener Lopes é jornalista formado pela Universidade Católica de Brasília (UCB); Atua na mídia esportiva desde 2006. Já teve passagens pelas rádios Paranoá FM, Comunidade FM do Gama, Transamérica FM Brasília, Bandeirantes AM Brasília e Ativa FM Brasília. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo (Brasil 2014 e 2019) e uma Copa América (Brasil 2019).

Continue Reading