Siga Nossas Redes Sociais

Futebol

Com dois gols de William Crispim, Real Brasília vence o Taguatinga em casa e assegura o terceiro lugar

Escrito em

Na conturbada última rodada desta primeira fase do Candangão, o Real Brasília recebeu o Taguatinga para retomar o segundo lugar da competição. Já a Águia, em quinto, buscava entrar no grupo dos quatro primeiros para ter a vantagem de dois empates e de decidir em casa e na segunda fase da competição.

A polêmica antes do jogo foi grande. Após a decisão conjunta com o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, em realizar os jogos nos Centros de Treinamentos das equipes, com exceção dos jogos no entorno do DF, Real Brasília e Taguatinga se enfrentaram no CT do Real no Park Way nesta quarta-feira (18).

Já no primeiro ataque, o Real avançou pela direita com Matheus, que abriu com Léo Campos, que tocou na entrada da área do Gilvan, artilheiro do Candangão, mas o chute saiu mascado. Diogo espalmou e a bola foi para escanteio.

Enquanto o time mandante procurava suas jogadas mantendo a posse de bola, o Taguatinga foi pra cima e conseguiu um escanteio depois de uma falta bem batida por Junior Alves. No escanteio, aos 6 minutos, Heltinho colocou na cabeça de Julio Cesar, surpreendendo o time do Leão, 1×0.

Em seguida, aos 10 minutos, depois de uma cobrança rápida de Davi Ceará para Léo Campos, William Chrispim aproveitou o rebote e mandou um torpedo cruzado empatando a partida. O Leão continuava em cima, tentando a virada.

Aos 16, Davi Ceará foi esperto em batida de falta e colocou no canto direito do goleiro Diogo, que estava posicionado para uma bola alçada na área. Era a virada que a equipe de uniforme azul precisava.

Depois de uma pausa para hidratação aos 25 minutos, o Taguatinga voltou um pouco mais atento e empatou aos 38. Depois de uma boa jogada construída por Junior Alves, Marquinhos arriscou de longe e Léo aceitou. O time visitante ainda foi pra cima em seguida, mas Lucas Vitor desperdiçou a virada no ataque chutando pra fora.

Leão passa a frente e Águia não consegue atacar

Com o começo do segundo tempo, mais um gol. Depois de Davi Ceará cruzar a bola na área, o zagueiro Sandro tocou nela depois de uma confusão e a bola foi parar no pé de William Chrispim. Mais um gol do garoto na partida, colocando o Real a frente no placar.

Aos 11 minutos, Davi Ceará cruzou uma bola venenosa, Perivaldo cabeceou em cima do Douglas Rato e a bola saiu para outra batida de escanteio. Por muito pouco, o Real Brasília não ampliava a vantagem nesse lance.

O Taguatinga continuava com dificuldades para armar suas jogadas, mas, aos 14 minutos, Lucas Vitor chutou para fora depois de boa jogada pelo meio do lateral Douglas Rato.

O Real continuava em cima do adversário e perdeu uma chance claríssima para matar o jogo. Aos 18 minutos, Gilvan triangulou com Raphael Soares e Dedê, que devolveu para o artilheiro finalizar, mas Diogo estava esperto e fez duas boas defesas. Na terceira, Gilvan bateu para fora.

No lance seguinte, Matheus cruzou pela direita e Raphael Soares, sozinho dentro da área, chutou para fora. Já aos 24 minutos, Léo Campos levou pela esquerda, tocou para Castro Junior na entrada da área, que girou e bateu de esquerda para boa defesa mais uma vez do goleiro do Taguatinga.

Os visitantes só conseguiu chegar ao ataque novamente aos 31 minutos, com um chute de longe de seu camisa 10, Marquinhos. A bola passou perto do ângulo esquerdo do goleiro Léo.

O Real continuava tendo espaço para atacar e, aos 33 minutos, Davi Ceará, em um contra-ataque, arriscou de fora rasteiro, com força, mas a bola passou ao lado da trave do Taguatinga. Em uma falta, aos 37 minutos, batida por David, o goleiro da equipe da Vila Planalto quase encaixou, mas deu o rebote. Sorte que, na sequência, a bola cruzada não deu em nada e o Taguatinga desperdiçou uma de suas últimas chances de gol no jogo.

Com a paralisação do campeonato por conta da situação do Coronavírus no país, o Real Brasília ficou na terceira colocação, sem chances de ganhar ou perder posições mesmo com um jogo a menos. Já a equipe do Taguatinga, com todos seus jogos da primeira fase realizados, ficou em quinto lugar, com um ponto a menos que o Formosa.

O campeonato ficará paralisado até determinação da Federação de Futebol do Distrito Federal para que a segunda fase aconteça.

CAMPEONATO CANDANGO – 11ª RODADA
Real Brasília 3 X 2 Taguatinga
18/03/2020 – CT Real Brasíia – Brasília – DF

Arbitragem: Adriano Luiz do Nascimento
Assistente 1: Kleber Alves
Assistente 2: Milton Jeronimo
4° árbitro: Nathan Lenkart

Cartões Amarelos: William Chrispim, Perivaldo (Real Brasília); Julio Cesar,Everton (Taguatinga).

Gols: (1° tempo); (2º Tempo).

Real Brasília
Léo Unamuzaga, Dedê, Perivaldo, Sandro e Léo Campos; Castro Júnior e Leandro Brasília (Geovane); Matheus (Wisman), Davi Ceará, William Chrispim (Raphael Soares) e Gilvan.
Técnico: Buião.

Taguatinga
Diogo, Douglas Rato, Dougão, Jefferson e Julio Cesar; Lucas Santos e Heltinho (Raphael Augusto); Marquinhos, Junior Alves (David), Lucas Vitor e Martinely (Everton).
Técnico: Jezimar Marques.

Continue Reading
Clique para deixar seu comentário

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *