O primeiro passo rumo á Série C 2019 foi dado. Jogando fora de casa, o Brasiliense empatou com o Sergipe/SE em 0x0 e, por ter vencido a partida de ida por 2×1, o jacaré conquistou a vaga para as oitavas de final da quarta divisão nacional.

O jogo
Os donos da casa tomaram sufoco do Brasiliense nos minutos iniciais de partida. Mas quem ameaçou primeiro foi o Sergipe. Aos seis, após receber passe de Rhuan, Marinho Donizete faz cruzamento para a grande área, mas a bola passa rente à trave de Edmar Sucuri.

A situação do Sergipe começou a se complicar quando, aos 16 minutos, Ramalho saiu para a entrada de Marquinhos do Sul. Cinco minutos depois, o Sergipe teve mais duas oportunidades de abrir o placar, com Marquinhos do Sul e Marinho Donizete, mas sem conclusão.

O primeiro tempo seguiu com o jacaré tentando aproveitar algum vacilo do Sergipe para abrir o placar. Tanto que a primeira chance efetiva de gol ocorreu somente aos três minutos de segundo tempo. Tarta aproveita uma falha da defesa sergipana e finaliza para o gol, mas a defesa salva.

Primeiro tempo terminou empatado, com o Brasiliense aproveitando os erros do Sergipe para tentar abrir o placar - Foto: Fillipe Araujo/Metropoles
Primeiro tempo terminou empatado, com o Brasiliense aproveitando os erros do Sergipe para tentar abrir o placar – Foto: Fillipe Araujo/Metropoles

Três minutos depois, o Sergipe teve mais uma chance. Diogo cobra falta e o goleiro Edmar Sucuri faz uma defesaça, colocando a bola pela linha de fundo.

Aos 25, foi a vez do Brasiliense responder. Filipe Cirne cobra escanteio e a bola quase encobre o goleiro Jean. Seria um gol olímpico no Batistão. Oito minutos depois, um lance polêmico. Marquinhos do Sul lança Willian Paulista, que finaliza com a bola tocando na mão da defesa do Jacaré. A arbitragem não marca penalidade máxima, para revolta dos torcedores no estádio.

O Sergipe partiu para o desespero, em busca de fazer o gol que levaria o jogo para a cobrança de penalidades máximas. No último minuto de jogo, Willian Paulista avança pela esquerda e cruza na medida para Cláudio Baiano cabecear. No entanto, a bola vai na trave de Edmar Sucuri.

O Brasiliense apenas esperou o apito final para confirmar a vitória e a vaga para as oitavas de final. O jacaré enfrentará o vencedor do confronto entre Campinense/PB e Itabaiana/SE. O time paraibano venceu o jogo de ida por 1×0.

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE D – SEGUNDA FASE – PARTIDA DE VOLTA
SERGIPE 0-0 BRASILIENSE
09.06.2018 – ESTÁDIO LOURIVAL BATISTA – ARACAJU/SE

Público: 5.196 presentes
Renda: R$ 96.592,00

CARTÕES AMARELOS:
Heverton (Sergipe)
Peninha (Brasiliense)

SERGIPE
Jean; Claudio Baiano, Heverson e Diego Paulsita; Rhuan, Marinho Donizete, Ramalho (Marquinhos do Sul), Brendon e Danilo Rios (Diogo); Nino Guerreiro (Obina) e Willian Paulista.
Técnico: Edmilson Silva

BRASILIENSE
Edmar Sucuri; Gabriel, Preto Costa, Lucio e Wellington Saci, Aldo, Peninha (Filipe Cirne), Radamés e Tarta; Nunes e Romarinho (Luquinhas).
Técnico: Ailton Ferraz

Compartilhar