Em partida equilibrada no Ginásio da Asceb, Universo/Brasília x Corinthians fizeram grande duelo nesta tarde de sábado (30). A equipe candanga venceu o jogo por 87×78 e abriu vantagem no primeiro confronto da série de três das oitavas de final do NBB.

As equipes começaram se respeitando em quadra, porém, o Brasília precisava vencer, pois os próximos jogos são fora de casa. Com isso, foi para cima do Corinthians. O primeiro quarto terminou em 22×14, com destaque para o pivô Graterol, que guardou seis pontos logo no início.

A defesa do Brasília entrou bem no segundo quarto e conseguiu neutralizar as principais peças do time paulista, Parodi e Fuller. Com a defesa consistente, o ataque fluiu facilmente. Os donos da casa chegaram a abrir 18 pontos de vantagem, mas o Corinthians diminuiu nos minutos finais e o jogo foi para o intervalo com o placar de 44×34 para o Universo/Brasília.

A essa altura, o público de quase mil pessoas no Ginásio da Asceb presenciava um show de Ronald pelo Brasília, e do experiente Guilherme Giovannoni, do Corinthians. Torcedores mais antigos lembram bem que Giovannoni já atuou pelo time da capital.

O Corinthians voltou para o segundo tempo mais organizado. O técnico da equipe paulista, Bruno Savignani, ajustou a defesa e contou com Giovannoni, que fez 10 pontos e ajudou diretamente o time a encostar no placar, que terminou 60×57 no terceiro quarto.

Emoção guardada para o final

Com o placar apertado, o Brasília viu o Corinthians empatar o jogo no último quarto. Porém, foi aí que Ronald e Graterol, os grandes nomes do time candango nesta tarde, fizeram a diferença cavando faltas, convertendo em cestas e dando tocos. Juntos, eles ajudaram o Universo a abrir vantagem nos minutos finais. Final de partida: Universo/Brasília 87×78 Corinthians.

O cestinha do jogo foi Guilherme Giovannoni, com 22 pontos e 55% de aproveitamento nos arremessos. Outro destaque da partida foi o ala-pivô Ronald, que anotou 18 pontos e 3 rebotes, ajudando no ataque e desarmando bem na defesa. O pivô Graterol saiu com uma bolsa de gelo no braço direito e virou preocupação para o decorrer do campeonato.

Agora, o Universo/Brasília aposta as fichas no duelo fora de casa para ganhar e cravar uma vaga nas quartas de final do NBB. O segundo confronto entre as equipes será na próxima quinta (04), às 20h, no Ginásio Wladmir Marques, em São Paulo.