Siga Nossas Redes Sociais

Basquete

São Paulo vence Cerrado Basquete na retomada do NBB13 em Brasília

Escrito em

Foto: Gabriel Costa/Cerrado Basquete

Cerrado Basquete e São Paulo entraram em quadra nesta quinta-feira (01), pela volta do Novo Basquete Brasil. Em um jogo pra lá de disputado, mas de domínio em boa parte do São Paulo, o tricolor paulista venceu por 86×80. As partidas finais da primeira fase da competição acontecerão, até o dia 13 de abril no Ginásio da AsCEB.

O primeiro ponto da partida foi marcado por Shamell, do São Paulo, que acertou uma cesta de três pontos, mas logo em seguida, o Cerrado retomou as ações e passou à liderança do marcador. Tudo pelo bom trabalho de Kevin Crescenzi, que anotou cinco pontos na primeira metade do período. Na reta final, faltando um minuto, Jefferson acertou outra cesta de três e colocou o tricolor paulista na frente, fechando o primeiro quarto com vantagem de cinco pontos: 25×20.

O segundo quarto de jogo começou apertado, com o Cerrado indo em busca de retomar as ações. Restando seis minutos para o intervalo, com o tricolor vencendo por seis pontos (33×27), uma cravada de Renan, do São Paulo, fez o técnico Bruno Lopes parar o jogo pela primeira vez e tentar corrigir a equipe candanga. A chamada de atenção deu certo e o Cerrado, restando um minuto para o intervalo, chegou perto de virar o placar, mas foi para os vestiários perdendo por quatro pontos: 42×38 para o São Paulo.

A volta do intervalo foi arrasadora para o São Paulo. A equipe treinada por Cláudio Mortari abriu 10×1 nos quatro minutos iniciais do terceiro período e depois começou a controlar o jogo. Mas a reação do Cerrado começou com Crescenzi e Von Haydin, que juntos, anotaram 11 pontos. O time candango conseguiu empatar o quarto em 19×19 e fechou o período com quatro pontos atrás: 61×57.

O quarto período foi de domínio do São Paulo. Destaque para Lucas Mariano, que anotou cinco pontos no quarto. O Cerrado Basquete tinha Nick Wiggins e Paulo Lourenço para esboçar a uma reação. A equipe candanga empatou o período em 18 a 18 restando dois minutos para o fim do jogo (o placar estava em 79×75 para o São Paulo). No entanto, em um quarto inspirado de Lucas Mariano, com sete pontos em dez tentados (sendo deles uma cravada espetacular), o São Paulo venceu o quarto por 25×23 e confirmou a vitória por 86×80.

O cestinha da partida foi Nick Wiggins, do Cerrado Basquete, com 21 pontos. O maior pontuador do São Paulo foi Shamell, com 17 pontos.

Na próxima rodada, que acontece neste sábado (03), o Cerrado Basquete enfrenta o Franca às 19h. Antes, às 16h, o São Paulo encara o Corinthians, no clássico paulista.

Rener Lopes é jornalista formado pela Universidade Católica de Brasília (UCB); Atua na mídia esportiva desde 2006. Já teve passagens pelas rádios Paranoá FM, Comunidade FM do Gama, Transamérica FM Brasília, Bandeirantes AM Brasília e Ativa FM Brasília. Tem no currículo três olimpíadas (Atenas 2004, Londres 2012 e Rio 2016), duas Copas do Mundo (Brasil 2014 e 2019) e uma Copa América (Brasil 2019).

Continue Reading